0
Blog
ÚLTIMOS ARTIGOS
Aumento da Conta de Luz
25
ago

Aumento da Conta de Luz – O que fazer?

Atualmente temos percebido um aumento da conta de luz e isso não é nada bom. Isso acontece por causa dos […]

mulher nadando representando como aquecer uma piscina
18
fev

Como aquecer uma piscina com aquecedor a gás: confira as dicas!

Nada melhor do que uma piscina quentinha para relaxar! Por isso, aquecê-la pode ser uma ideia muito boa para as […]

Teste de estanqueidade: por que é tão importante?

Publicado em 24 de novembro de 2020

técnico realizando Teste de estanqueidade

Se você possui um aquecedor a gás, provavelmente já ouviu falar sobre o “teste de estanqueidade”, certo? Este método é responsável por verificar se o aparelho está hermético, sem vazamento e estanque. Trata-se de um procedimento obrigatório, pois vazamentos de gás podem expor as pessoas a graves consequências, podendo causar mortes. Nesse artigo, vamos te explicar melhor com esse teste funciona e a sua importância. Continue a leitura!

Por que realizar o teste de estanqueidade?

Primeiramente, é importante saber que existe uma norma vigente que obriga o teste de estanqueidade. Trata-se da ABNT NBR 15571, que regula e especifica os métodos de vedamento por meio de passagem de gases pressurizados. Seu objetivo é identificar os defeitos passantes em juntas soldadas, chapas, forjados e fundidos. 

O teste de estanqueidade é também uma exigência do Corpo de Bombeiros para a obtenção do AVCB. Este, por sua vez, é um documento que assegurar que a obra está de acordo com a lei. 

Entre todas as vantagens do teste de estanqueidade, é possível: 

  • Garantir proteção do ambiente.
  • Melhorar a confiabilidade do produto
  • Proporciona maior controle do processo de fabricação.

Para que não haja problemas, a realização do teste deve ocorrer durante a montagem do sistema, enquanto as tubulações ainda estão expostas. 

Como o teste de estanqueidade em tubulações é realizado?

O teste é realizado de forma simples. Acontece como um ciclo com base em quatro fases fundamentais:

  1. Enchimento por pressurização da tubulação que está sendo testada;
  2. Verificação das conexões;
  3. Tempo de espera para a acomodação do fluido de teste; 
  4. Análise para verificar se a pressão se manteve constante ou houve uma queda eventual em um intervalo de tempo, o que caracterizaria um vazamento.

E se um vazamento for detectado?

Caso a pressão no interior do sistema diminua durante a pressurização, teremos um indicativo de vazamento. Dessa forma, o problema deve ser localizado e reparado imediatamente. Em seguida, prossegue-se com o teste para verificar se tudo foi solucionado.

Afinal, você só poderá colocar um sistema em uso, seja ele recém instalado ou restabelecido, após um teste periódico. Além disso, é importante assegurar-se de que todas as possibilidades de vazamento sejam descartadas.

Quem devo chamar para fazer um teste de estanqueidade na tubulação?

Para garantir a aderência às normas de desempenho que relacionam-se à estanqueidade, como a NBR 15571 e demais normas relacionadas, é importante contratar uma empresa responsável e especializada em manutenção e instalação de aquecedor a gás

Lembre-se de que todas esses procedimentos devem ser realizadas por um profissional habilitado com supervisão de um engenheiro. Por isso, conte com a consultoria e o suporte da Multi Aquecedores para adequar sua obra aos requisitos necessários.

Instalação de aquecedores a gás em São Paulo

Como dissemos, é essencial que a instalação do aquecedor a gás seja realizada com empresas especializadas, como a Multi Aquecedores. Assim, você evita vazamentos e possíveis acidentes.

Se você está em São Paulo e precisa fazer uma instalação de gás confiável, entre em contato conosco. Experiente no mercado, a empresa oferece soluções sustentáveis e tecnológicas para empresas que procuram por aquecedor a gás em São Paulo.

Gostou do nosso artigo sobre teste de estanqueidade? Curta e compartilhe com os seus amigos, especialmente para aqueles que planejam instalar um sistema de aquecimento a gás. 

Até a próxima!